fbpx
Imprimir esta página
Sexta, 18 Setembro 2020 00:00

Reversão de Vasectomia

Escrito por Equipe de Gestão de Mídias Sociais - Andrômeda Web Marketing
Avalie este item
(0 votos)

A vasectomia é um método de esterilização voluntária em que se realiza a obstrução, por cirurgia, dos canais deferentes no homem, impedindo que os espermatozóides se unam ao líquido seminal e sejam liberados, evitando a gravidez.

Após anestesia local, é feita um pequeno corte no saco para localizar os canais por onde passa o sêmen com os espermatozoides. Esses canais são cortados e depois amarrados. Por fim, o médico fecha o pequeno corte.

O procedimento costuma ser rápido, pouco invasivo e pode ser realizado até em ambulatório, sem necessidade de centro cirúrgico, com o homem sendo liberado no mesmo dia.

O procedimento, que não impede a ejaculação masculina nem interfere na sensação de prazer durante o ato sexual, apenas impede a concepção.

Contudo, algumas vezes os homens mudam de ideia e desejam sim ter mais filhos. Para isso, existem duas alternativas:⠀Cirurgia para reversão ou FIV/ICSI.

Para reverter a vasectomia, é necessário unir novamente os canais deferentes. Caso a reversão seja possível, é realizada uma microcirurgia.

O termo médico utilizado para a cirurgia é vaso-vaso anastomose, na qual há a recanalização dos ductos deferentes, permitindo novamente a passagem dos espermatozoides. Vale ressaltar que mesmo enquanto os ductos estão ligados, a produção das células reprodutivas masculinas continua e as mesmas ficam armazenadas nos epidídimos.

Devido ao tamanho dos ductos a cirurgia é realizada com o auxílio de um microscópio e fios cirúrgicos extremamente finos, que farão novamente a junção das partes que foram desconectadas.

Para finalizar o processo de reversão, depois de 45 dias deve ser feito um espermograma, que avalia não só a quantidade de espermatozoides no sêmen, mas também sua morfologia e motilidade porque, só podemos ter certeza que a cirurgia deu certo após a realização de um espermograma.

O tempo após a reversão da vasectomia para a produção de espermatozoides viáveis varia entre 6 a 12 meses e a gestação natural pode demorar cerca de 12 a 18 meses, sem que isso implique em casos de infertilidade.

Quando a mulher tem mais de 35 anos e a vasectomia foi realizada há mais de 5 anos, indica-se a FIV/ICSI associada à aspiração dos espermatozóides diretamente do epidídimo – PESA – ou dos testículos – TESA.

É importante frisar que cada casal deve ser avaliado de forma individualizada para a correta escolha do método ideal para obter a gestação, seja ela de forma natural ou assistida.

Para saber mais, tirar todas as suas dúvidas e fazer o seu acompanhamento, quer seja para inseminação artificial ou pré-natal, marque a sua consulta através do nosso telefone (21) 99253-6102.


Dra. Paula Joazeiro - Ginecologista Obstetra, Especialista em Reprodução Humana Assistida. 
Tecnologia e carinho andando lado a lado num dos momentos mais importantes da sua vida!

Entre em contato conosco, exponha os seus objetivos, para que possamos lhe ajudar a encontrar os procedimentos que visam garantir os melhores resultados, sempre com foco na sua total satisfação.
Atendemos em: Ipanema, Tijuca, Barra da Tijuca  e Niterói - Rio de Janeiro - RJ
 

Ler 108 vezes