fbpx
Quarta, 24 Novembro 2021 00:00

Reserva Ovariana

Escrito por Equipe de Gestão de Mídias Sociais - Andrômeda Web Marketing
Avalie este item
(0 votos)

Como a quantidade de óvulos é limitada, é interessante acompanhar sua reserva ovariana caso tenha planos de ter filhos.

A reserva ovariana é o principal marcador da fertilidade da mulher. Sem a presença de folículos nos ovários para a diferenciação em óvulos, as chances de uma gestação caem de forma substancial. Por isso, atentar-se a esse marcador é tão importante na atualidade. É fundamental que a mulher tenha dados sobre a reserva ovariana, seja aquelas que querem postergar a maternidade como aquelas que vão passar por um tratamento de reprodução humana assistida.

O que é Reserva Ovariana?

Reserva ovariana é a quantidade de folículos armazenado nos ovários da mulher. Esses folículos, durante o ciclo menstrual, são liberados e dentro de um deles, o óvulo amadurece.

A mulher nasce com um número pré-determinado de folículos. Estima-se que esse número gire entre 1 e 2 milhões e que ele vai diminuindo ao longo da vida. Essa perda é tão representativa e contínua que a mulher entra na adolescência com uma reserva ovariana estimada de 300 a 500 mil folículos.

A cada ciclo menstrual são perdidos cerca de 1.000 óvulos, independente de tomar pílula anticoncepcional. O processo de perda e consumo de óvulos é por atresia (morte celular), e isso não pode ser evitado com medicamentos.

Qual a importância da reserva dos ovários?

Mulheres que pretendem ser mães dependem dessa reserva para a realização desse sonho. É comum que mulheres com dificuldade em engravidar sejam diagnosticadas com baixa reserva ovariana. Esse marcador tem índices definidos com base na idade da mulher.
Isso deve ser ressaltado, pois, existe uma tendência ao erro de analisar o resultado do exame que mede a reserva ovariana, o antimülleriano. Uma mulher de 40 anos com antimülleriano abaixo de 1 pode ser considerado uma reserva ovariana normal. Já o mesmo índice a uma mulher de 32 anos significa uma baixa reserva ovariana e maior tendência que essa mulher entre na menopausa bem antes da média das mulheres.

Os principais exames para avaliar a reserva ovariana são:

• FSH – o hormônio folículo estimulante determina o crescimento e amadurecimento dos folículos ovarianos. Sua produção é regulada por hormônios produzidos nos ovários, como o Estradiol e a Inibina B. Quanto maior a presença desses dois hormônios, menores são os níveis de FSH. Com a idade avançada da mulher, a concentração sanguínea de FSH aumenta, pois, o número de folículos se reduzem e a produção de estradiol e Inibina B também caem, o que leva ao aumento do FSH. A dosagem deste hormônio dá uma ideia da reserva ovariana, mas pode oscilar em mulheres com baixa reserva ovariana, o que pode confundir algumas pacientes.

• AMH – hormônio antimülleriano. O AMH é produzido pelas células da granulosa (ovário) dos folículos antrais e pré-antrais (pequenos). Quanto maior o número dos folículos no ovário, maior a reserva ovariana e concentração sanguínea de AMH. Este hormônio, diferente do FSH, não sofre variação expressiva no ciclo menstrual e é um exame com melhor chance de acerto. Existem vários kits de AMH no Brasil, portanto é importante realizar o exame em bons laboratórios, pois os valores podem mudar bastante.

É importante ressaltar que o ideal é realizar os exames sem uso de pílula anticoncepcional ou contraceptivo hormonal (adesivos como Evra e injetáveis mensais ou trimestrais), pois eles podem reduzir os valores.

Portanto, mulheres a partir de 30 anos que quiserem planejar uma gravidez saudável e tranquila podem recorrer a esses exames. Assim, é possível ter uma ideia do tempo de vida útil dos óvulos e a maneira mais eficaz à concepção, mas lembre-se de que é imprescindível um acompanhamento médico.

A decisão cirúrgica é pensada conforme o quadro clínico, considerando o histórico do casal e a avaliação individual.⠀


Dra. Paula Joazeiro - Ginecologista Obstetra, Especialista em Reprodução Humana Assistida. 
Tecnologia e carinho andando lado a lado num dos momentos mais importantes da sua vida!

Entre em contato conosco, exponha os seus objetivos, para que possamos lhe ajudar a encontrar os procedimentos que visam garantir os melhores resultados, sempre com foco na sua total satisfação.
Atendemos em: Ipanema, Tijuca, Barra da Tijuca  e Niterói - Rio de Janeiro - RJ
 

Ler 98 vezes

Matérias/Artigos