fbpx
Quarta, 07 Julho 2021 00:00

Preservação da Fertilidade com Congelamento de Óvulos

Escrito por Equipe de Gestão de Mídias Sociais - Andrômeda Web Marketing
Avalie este item
(0 votos)

O congelamento de óvulos é ideal para preservar a fertilidade feminina.

Ele é recomendado para mulheres que terão sua fertilidade afetada por algum tratamento, como uma quimioterapia, por exemplo, ou para mulheres que não pretendem ter filhos na sua idade mais fértil.

O objetivo é a obtenção de gametas femininos (óvulos) a partir dos ovários, os quais poderão ser utilizados no futuro para a realização de Fertilização “In Vitro”, com a finalidade de obtenção de gestação.

Devido aos avanços tecnológicos os óvulos podem ficar armazenados por tempo indeterminado, mantendo altas taxas de sobrevivência que hoje variam em torno de 85 a 100% utilizando o processo de vitrificação para o congelamento dos óvulos.

Com o congelamento, conservamos os óvulos nas condições de quando foram coletados, preservando a fertilidade até o dia em que a mulher decidir ter um filho.

O procedimento para o congelamento dos óvulos se inicia com o ciclo menstrual. A partir do 2º ou 3º dia da menstruação realizamos um tratamento com hormônios que estimulam a produção de óvulos. Por volta do 12º dia de estímulo, a paciente é sedada e os óvulos são coletados diretamente do ovário. Os óvulos maduros são selecionados e preservados em nitrogênio líquido.

Os óvulos mantém a fertilidade do momento em que foram coletados, por isso, recomenda-se que o procedimento seja feito antes dos 35 anos, quando ainda possuem boa capacidade reprodutiva. Quanto maior for a quantidade de óvulos congelados, maior será a chance de obter a gestação futura.

Tal técnica é habitualmente proposta nas seguintes situações:
  • Pacientes que apresentam doenças clínicas importantes (Ex: câncer de mama, linfomas, leucemias) e que serão submetidas a tratamentos tóxicos para os ovários, como a quimioterapia e a radioterapia, também podem afetar a fertilidade.
  • Pacientes que já apresentam diminuição da reserva ovariana e serão submetidas a procedimento cirúrgico com risco de perda da função ovariana (Ex: cirurgias para retirada de endometriomas ou cistos ovarianos).
  •  Preservação social da fertilidade: situação em que a paciente gostaria de preservar os óvulos para uso posterior devido ao seu projeto de gestação mais tardia.

Dra. Paula Joazeiro - Ginecologista Obstetra, Especialista em Reprodução Humana Assistida. 
Tecnologia e carinho andando lado a lado num dos momentos mais importantes da sua vida!

Entre em contato conosco, exponha os seus objetivos, para que possamos lhe ajudar a encontrar os procedimentos que visam garantir os melhores resultados, sempre com foco na sua total satisfação.
Atendemos em: Ipanema, Tijuca, Barra da Tijuca  e Niterói - Rio de Janeiro - RJ
 

Ler 322 vezes

Matérias/Artigos